Tags

,

Today, the day before the eve of S. João, I’ll tell you about my first Sto. António experience…

Sto. António (Saint Anthony) and S. João (Saint John) are the two main popular parties in Portugal (hope I’m not saying anything wrong), celebrating the patron saints of Lisbon and Porto respectively. (Actually, I’ve recently came to know, the patron saint of Porto isn’t S. João, but Nossa Senhora de Vandoma (Our Lady of Vandôme). However, she’s never celebrated and not many people are aware of this fact).

Sto. António has marchas (parades) organized by the different neighbourhoods, that compete against each other…but I didn’t go to Lisbon for that…I went to be part of the night before the actual day of Sto. António, where people celebrate in the streets, dancing and drinking till morning.

I don’t know if I chose the best place to do it, but for me it was just like any other night out with friends, except for the fact there were loads of people in the streets and the streets were decorated.

I know I shouldn’t compare, but as they’re both popular parties, I have to say S. João is a lot more fun. I could tell you about the differences between the people from the north and the people from the south of Portugal, but I’m only going to go there to tell you what that affects these parties. People from the north are much more expansive and that promotes a lot more interaction between people who don’t know each other. Granted that in S. João that first connection is made by hitting people on the head with leek and plastic hammers, but that’s much more to it. It’s also true that in Porto the party is more restricted to a particular place (not being only there) – Ribeira.

Off course this doesn’t mean I won’t jump on the opportunity to go to another Sto. António, that way I can even try another place and change my mind.🙂

Hoje, que é véspera da véspera de S. João, venho-vos falar da minha primeira experiência de Sto. António…

Não fui à marchas nem nada que se pareça, fui mesmo para a noite de Sto. António. Não sei se estive no sítio mais fixe (Lisboa é grande e o Sto. António faz-se de rivalidades entre bairros concorrentes nas marchas, por isso cada bairro organiza a sua festarola), mas para mim foi mais uma noite de saída com amigos, sendo que a grande diferença era a quantidade de pessoas na rua e os enfeites que a habitavam.

Eu sei que as coisas não devem ser comparadas, mas já que se tratam de duas festas populares, devo dizer que o S. João é bem mais divertido. Agora aqui podia falar de uma das diferenças entre as pessoas do norte e do sul, que é o facto de os nortenhos serem muito mais expansivos, mas só vou aí reter-me, na medida em que isso afecta as festas populares. No S. João existe uma muito maior interacção entre pessoas que não se conhecem…são os alhos porros, martelinhos e não só…a festa também está mais centrada na baixa, mais precisamente na ribeira e os bailinhos são mesmo divertidos!

Isto não quer dizer que para a próxima vez que tenha a oportunidade de ir festejar o Sto. António a Lisboa não o faça, pode ser até que experimente outro sítio e mude de ideias.🙂